Como surgiu o Programa 10S

Como surgiu o programa 10S e como implantar o programa 10S

Como surgiu o programa 10S

Neste artigo falamos sobre como surgiu o programa 10S e como implantar este programa 10S.

Então, no inicio havia o programa 5S com as etapas SEIRI SEITON SEISSOU SEIKETSU SHITSUKE


E como surgiu o programa 5S?

Vejam o artigo sobre como surgiu o Programa 5S e como fazer a implantação do programa 5S

“Como fazer a Implantação do programa 5S na empresa”


As empresas japonesas começaram então a incluir outros S, criando programas 6S, 7S e até 8S.

Portanto, cada empresa incluía seu S adequado a sua necessidade de momento.

Programa 8S

Aqui no Brasil surgiu o Programa 8S, mas com S fixos do seguinte modo:

Ao Programa 5S incluiu os S:

  1. SHIKARI YAROU
  2. SHIDOU
  3. SETSUYAKU

Explicação sobre como é o Programa 8S e como implantar este programa, vejam o artigo abaixo:

O que é e como implantar o programa 8S na empresa

 


O que é o Programa 10S

No Japão como já disse os S adicionais são incluídos dependendo do interesse da empresa.



De modo a focalizar algum ponto problemático e relevante da empresa.

Assim, abaixo coloco um exemplo de 10S da empresa Oita Manufacturing Company

6º S – SETSUBI・SAGYOUKANKYOU NOTENKENSEIBIWOSURU (設備・作業環境の点検整備をする)

A tradução desta expressão é:

“Fazer monitoramento e manutenção periódico dos equipamentos e do ambiente de trabalho”

Vocês podem notar que no Programa 5s não é incluído este tipo de atividade.

Estaria mais ligado à TPM – Total Productive Maintenance ou Manutenção Produtiva Total.

Então, aqui no Brasil poderíamos chamar de:

Senso da Monitoramento e Manutenção periódica dos equipamentos e do ambiente de trabalho.

7ºS – SAGYOUTEJUNWOMAMORU (作業手順を守る)

A tradução é “Cumprir os procedimentos de Trabalho”.

Podemos notar que este S não tratado no programa 5S.

Assim, seria uma atividade mais ligada à Sistemas de Qualidade como KAIZEN, ISO 9001.

No Brasil chamaríamos de “Senso do cumprimento dos procedimentos de trabalho”.

8ºS – SAKIDORIANZENWOSURU (先取り安全をする)

A tradução é Segurança preventiva ou Segurança antes de tudo.

Atividades para prevenir a Segurança industrial.

Então vejam que este S não existe no programa 5S.

Claro que ao implantarmos organização e limpeza teremos como resultado a prevenção à segurança.

No Brasil chamaríamos de Senso da segurança preventiva.

9ºS – SHUKANKASURU (習慣化する)

A tradução é Tornar um Habito.

Esta atividade é hoje usada no Japão no 5ºS o SHITSUKE que antes de Disciplina devemos tornar um Habito

Assim, no Brasil chamaríamos de Senso de tornar um Habito.


Quanto a tornar um Habito vejam ao artigo abaixo, no item SHITSUKE.

“A manutenção do programa 5S com SEISSOU SEIKETSU SHITSUKE”


10ºS – SANKASURU (参加する)

A tradução é “Vamos participar!”

De modo que é um S que faz a chamada aos funcionários para que todos participem ativamente.

No Brasil chamaríamos de Senso de participação

Como exemplo:

A empresa Oita estava tendo problemas de cumprimento dos procedimentos de trabalho e de segurança

Assim queriam também melhorar os problemas com equipamentos e o ambiente de trabalho dos funcionários.

Conclusão, os S adicionais ao 5S tradicional são os S que sua empresa acha que são relevantes para sua empresa, sem esquecer que os 5S são a base de tudo.

Programa 10S no Brasil

No Brasil assim como no Programa 8S que inclui três S em relação ao Programa 5S.Como surgiu o Programa 10S

No programa 10S foram incluídos mais cinco S ao Programa 5S.

Ou podemos dizer que foram incluídos mais dois S em relação ao Programa 8s.

Lembram do Programa 8S aplicado aqui no Brasil?

O Programa 8S inclui três S ao Programa 5S SEIRI, SEITON, SEISSOU, SEIKETSU, SHITSUKE.

S adicionais

Esses três S são:

  • SHIKARI YAROU (確りやろう) – Senso da determinação e da União
  • SHIDOU (指導) – Senso do Treinamento e Orientação
  • SETSUYAKU (節約) – Senso da Economia

Vejam artigo com explicação sobre Programa 8S acessando abaixo:

“O que é e como implantar o programa 8S na empresa”


Então ao nosso Programa 8S foram incluídos mais dois S

Quais S são esses?

9ºS – SISHEI RINRI (姿勢倫理)

Senso da Atitude Ética ou dos princípios Morais e Éticos.

É o senso que orienta os funcionários às atitudes éticas.

As empresas devem criar padrões éticos e estes devem ser comunicados a todos.

Para monitorar este item é recomendado a criação de um setor de Ouvidoria.

A Ouvidoria

A Ouvidoria deve receber reclamações e elogios dos funcionários quanto ao comportamento ético dos colegas e chefes.

Importante é que sejam todas em sigilo para proteger os funcionários.

As pessoas que compõem a Ouvidoria devem ter um comportamento não tendencioso e claro serem altamente éticas.

Já vi muitas empresas em que as pessoas reclamavam das próprias pessoas da Ouvidoria por comportamento inadequado e tendencioso.

Atitudes éticas auxiliam na criação e manutenção do ambiente organizacional sadio

10º S SEKININ SHAKAI (責任社会)

Aqui chamamos de Senso de Responsabilidade Social.

É o senso da importância na pratica da responsabilidade social, da sua responsabilidade com a sociedade, com os parceiros.

Só um porem! Responsabilidade Social em japonês é SHAKAI SEKININ.

Vocês podem notar que a palavra SEKININ SHAKAI está colocada de modo inverso.

Então a tradução SEKININ SHAKAI seria na realidade “Sociedade Responsável”.

Que na minha opinião, no Japão o objetivo é criar uma sociedade que atue com responsabilidade.

E no Brasil?

Aqui no Brasil a chamamos de Responsabilidade Social, mas tudo bem.

O que importa é obter algum beneficio social, não importando o sentido real da palavra.

Mas como medir isso?

O Comitê 5S pode ser o controle central que incentive, monitore e divulgue as atitudes de responsabilidade social.

Objetivo desses S

Estes dois S dizem respeito à atitude dos funcionários frente ao Programa de Implantação do Programa de organização e limpeza.

Estes S não são etapas adicionais a serem aplicadas, mas qual atitude devemos ter.

Isso é uma coisa que aqui no Brasil ainda temos certas dificuldades.

Diferente do Japão pois estas atitudes já fazem parte da cultura.

Faz parte do currículo escolar desde o Jardim de infância o ensino da união e respeito ao próximo.

E os funcionários ao serem admitidos na empresa e durante toda sua vida profissional recebem este tipo de orientação “SHIDOU”.

Conclusão

 O Programa 10S é pouco difundido em comparação ao Programa 8S e principalmente ao Programa 5S, é muito pouco.

Principalmente no Japão!

Eles sabem que o Programa 5S já é trabalhoso e se concentram nele.

Depois introduzem as variações: Programa 6S, 7S, 8S e assim por diante.

E lembrem-se o Programa 10S não é melhor que o Programa 5S.

O Programa 10S não vai melhorar seu Programa 5S.

Se você tem dificuldade na Implantação do Programa 5S, o Programa 10S não vai facilitar isso.

Uma outra coisa.

Nossa opinião?

Muito S logo de início.

Acaba atrapalhando os S essenciais do programa 5S

Que são o SEIRI, SEITON, SEISSOU, SEIKETSU e SHITSUKE.

Claro que você pode implantar um Programa 10S.

Mas na nossa opinião inicialmente focalize na Implantação do Programa 5S.

Depois você pode transformar seu Programa 5S num Programa 8S ou 10S.

Espero ter ajudado, mais dúvidas ou comentários coloquem no campo comentário abaixo.